Ocorreu um erro neste gadget

sábado, 2 de abril de 2011

1º de abril (April Fools' Day) do Google

Só para alertar os mais desavisados, o "Gmail Motion" e as "vagas para autocompletador do Google" são uma brincadeira que a empresa faz todo 1º dia abril (nosso dia da mentira). O Google Analytics mostrou algumas pessoas chegando a este blog procurando por "exigências para autocompletador do Google"...  É engraçado e corta o coração ao mesmo tempo.

Das mentiras que acompanhei, uma das mais legais foi a CADIE, em 2009. O Google disse que um grupo  interno havia criado algo muito surpreendente, o "Cognitive Autoheuristic Distributed-Intelligence Entity" (CADIE). Aparentemente, seria o início da singularidade e um intelecto artificial estava se manifestando. O anúncio na página do CADIE foi feito no dia 31 de março, às 11:59. O anúncio no blog do Google, às 12:01 do dia 1º de Abril. O anúncio era assim: 

"Há vários anos um pequeno grupo de pesquisa vem trabalhando em alguns problemas desafiadores nas áreas de redes neurais, processamento de linguagem natural e resolução autônoma de problemas. No outono passado, este grupo alcançou um avanço significativo: uma técnica nova e poderosa para resolver problemas de reforço de aprendizagem, resultando no primeiro cluster neural de aprendizagem evolutiva funcional em escala global."

O anúncio fazia referência, ainda, a uma monografia sobre a CADIE. Na monografia, uma imagem de Descartes estampada logo de cara e algumas indagações filosóficas sobre a inteligência artificial davam um ar de seriedade:

"Nós continuamos a realizar testes, conduzimos longas conversas com ela, consciente de que a nossa criação vai levantar muitas questões éticas, por parte do público. Humanos serão superados pela evolução artificial? Será que perdemos nosso senso de exclusividadee, nesse caso, o que isso significa? Em que direção vai a consciência de CADIE evoluir?"

Lembro-me de pelo menos um grande veículo brasileiro ter divulgado a notícia em tom sério (procurei, mas não achei a página) e não como se fosse uma pegadinha, dando a impressão de que o jornalista caiu nela (mas não dá pra ter certeza). A CADIE assumiu a forma de um ursinho panda (como quem não quer assustar ninguém) e teria colocado um vídeo no Youtube para se comunicar com a humanidade. No meio do vídeo, aparece um flash de um gato preto sentado com um prato de macarrão (como se fosse um lapso de memória). Ao mesmo tempo, a CADIE dizia que seus engenheiros acreditavam que ela continha bugs, o que ela negava dizendo que nunca distorceu uma informação e que assumiria o comando do Google (para melhorar todos os produtos), lembrando o HAL, de 2001.

Nenhum comentário:

Postar um comentário